ÁREAS DE ATUAÇÃO

Governo de Minas Gerais oferece oportunidade no Minas Trend a empresas do interior

21 de setembro de 2016

Por meio da Codemig, ação movimenta a cadeia produtiva da moda mineira

O Governo do Estado de Minas Gerais, por meio da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig), trará para o Minas Trend representantes de diversas regiões do Estado, que terão a oportunidade de apresentar suas criações no maior salão de negócios de moda do Brasil. Foram selecionadas 13 empresas de seis regiões, que atuam nos setores de vestuário, calçados e acessórios. Essas empresas terão espaço garantido em estandes coletivos na próxima edição do evento, que será realizada de 4 a 7 de outubro, no Expominas Belo Horizonte.

O Minas Trend atrai compradores renomados do país e do exterior e é realizado pela Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg) em parceria da Codemig. A seleção dos participantes levou em conta critérios como: originalidade, inovação, valorização da cultura regional, adequação dos produtos ao público a que se destina e capacidade de produção da empresa. Além da oportunidade de participar dos estandes coletivos, os selecionados irão concorrer à 3ª edição do Prêmio Empresa Tendência, que irá contemplar os três primeiros colocados com um estande próprio na primeira edição do Minas Trend de 2017.

Cadeia produtiva da moda em Minas Gerais

A moda é um dos eixos estratégicos do Minas de Todas as Artes, Programa Codemig de Incentivo à Indústria Criativa, que inclui também os setores de design, novas mídias, audiovisual, gastronomia e música.

Para direcionar as ações de fomento à moda, a Codemig encomendou à Fundação João Pinheiro uma ampla pesquisa sobre a cadeia produtiva do setor no Estado. Os dados revelam a importância da produção de roupas, calçados e acessórios para diversos municípios mineiros. Em 135 cidades, a participação da moda na indústria é maior do que a média do Estado. Foram contabilizados 10.094 estabelecimentos de atividades de moda em Minas Gerais, os quais empregam 127 mil pessoas, correspondendo a 15,2% do emprego da indústria de transformação mineira.

Minas Gerais é o maior estado brasileiro exportador de joias e bijuterias, e a pesquisa constatou ainda um crescimento da participação do setor de couros e calçados no Estado.

Para a diretora de Incentivo à Indústria Criativa da Codemig, Fernanda Machado, os dados mostram um grande potencial produtivo, mas que exige apoio para se desenvolver: “A produção da moda em Minas Gerais é mantida por micro e pequenas empresas, que representam 98% do setor. O desafio é oferecer condições de crescimento para esses negócios, dar visibilidade às mercadorias e oferecer ao empresário condições de agregar criatividade e tecnologia aos produtos”.

Além disso, a diretora destaca a meta de vencer a concentração da produção de moda em apenas alguns dos 17 territórios de desenvolvimento econômico do Estado. “Somente cinco territórios concentram 75% da riqueza gerada pela moda em Minas Gerais. Nosso objetivo é fazer com que outras regiões participem dessa cadeia, que gera empregos diretos e indiretos. A iniciativa de trazer os empresários do interior para o Minas Trend faz parte desse projeto”. 

Clique aqui e acesse a lista de todos os selecionados para participar dos espaços coletivos da Codemig no Minas Trend.

Outras informações em:

www.facebook.com/minasdetodasasartes
No Instagram: @minasdetodasasartes
Dúvidas: moda@codemig.com.br